Category Archives: Notícias

Estudantes de Engenharia de Computação da UEFS criam aplicativo para informar os horários dos ônibus de Feira

Cansados de esperar a chegada dos ônibus nos pontos, cinco estudantes do curso de Engenharia de Computação da UEFS desenvolveram um aplicativo para celular chamado Tamse que, de forma colaborativa, consegue informar com boa precisão quando o transporte vai passar no ponto.

Ao utilizar o aplicativo, o usuário informa sobre qual linha deseja obter informações e o sistema informa a previsão de quando o próximo ônibus chegará ao ponto. Caso o ônibus atrase, o usuário pode fazer a indicação no aplicativo, que irá informar o atraso aos outros usuários que desejam usar a mesma linha. Funciona de forma semelhante a alguns aplicativos de GPS para celular, onde o usuário pode avisar sobre engarrafamentos, acidentes e obras na pista.

Diego Leite, um dos desenvolvedores, explica que o sistema é totalmente independente e não necessita de dados em tempo real das empresas de ônibus. Ele informa também que uma versão de testes já havia sido disponibilizada para quarenta pessoas no mês passado. Os escolhidos para testarem o aplicativo consideraram a iniciativa muito bem vinda e aprovaram os resultados das previsões feitas pelo aplicativo.

O aplicativo funciona em dispositivos Android e pode ser baixado na Google Play Store.

Leave a Comment

Filed under Notícias

Time de alunos do curso de Engenharia de Computação da UEFS se classificam para a final da Maratona de Programação

Ocorreu neste domingo, dia 10 de setembro, a primeira fase da Maratona de Programação promovida pela Sociedade Brasileira de Computação. Competiram ao todo 785 times em todo o Brasil, tentando solucionar um total de doze problemas por meio da programação de computadores.

Um dos times do curso de Engenharia de Computação da UEFS se classificou para a final nacional, que ocorrerá na Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte. O time formado pelos estudantes Heitor Rodrigues Santos Silva, Joel Pinto de Carvalho Filho e Oto Antonio Lopes Cunha Filho, e treinado pelo ex-competidor João Victor Mota do Nascimento, conseguiu a pontuação necessária para a próxima fase.

Atingindo o terceiro lugar dentre todos os times da supersede Nordeste, os estudantes do curso de Engenharia de Computação se destacaram perante outras equipes. O time diz que o próximo passo é fazer a arrecadação do dinheiro necessário para custear a viagem para a próxima fase da competição, que ocorrerá nos dias 11 e 12 de novembro, ainda este ano.

Caso se classifiquem também na final nacional, o time feirense parte para a final mundial que ocorrerá em Maio de 2017, nos EUA.

Time Untitled (2).cpp.

Time Untitled (2).cpp.

Leave a Comment

Filed under Notícias

Aedes na Mira é o novo jogo contra o mosquito da dengue

Alunos do semestre 2015.2 do curso de Engenharia de Computação da UEFS desenvolveram um jogo educacional sobre o Aedes Aegypti, mosquito transmissor dos vírus da dengue, zika e chikungunya.

Orientados pelo Prof. Dr. Victor Sarinho na disciplina Jogos Digitais, os alunos José Victor Cardim e Fabio Bispo do curso de Engenharia de Computação desenvolveram um jogo 3D baseado em realidade virtual no qual o usuário precisa destruir o maior número possível de larvas do Aedes Aegypti.

No quintal de uma casa, cheia de focos do mosquito como piscina, fontes de água, pneus velhos, garrafas, etc., o jogador tem uma visão em primeira pessoa do personagem, que com uma mira, ataca as larvas do mosquito. Cada larva destruída gera uma pontuação e vence aquele que conseguir matar mais larvas em menos tempo.

Segundo o Prof. Victor Sarinho, essa iniciativa é muito importante, pois o jogo apresenta um ambiente imersivo inovador que pode ser usado para a educação e conscientização de crianças sobre os perigos trazidos pelo mosquito.

Os alunos ficaram satisfeitos com o resultado. O jogo foi testado com outras pessoas, que acharam o produto interessante. O próximo objetivo dos alunos é disponibilizar o jogo nas escolas, para que as crianças possam entender brincando a importância de eliminar o mosquito.

Um vídeo do jogo em execução pode ser visto no YouTube pelo link abaixo:

https://www.youtube.com/watch?v=829nuI6VkGc

Leave a Comment

Filed under Notícias

Abertas inscrições para a Maratona de Programação na UEFS

Estão abertas as inscrições para a Maratona de Programação na UEFS, que ocorrerá no dia 10 de setembro deste ano.

Maratona de Programação 2015 na UEFS.

Maratona de Programação 2015

A Maratona de Programação é um evento da Sociedade Brasileira de Computação, classificatória para as finais mundiais do concurso de programação da ACM – Association for Computer Machinery. Consiste em uma competição onde equipes de três estudantes tentam resolver problemas através da programação de computadores. Desde 2011, a UEFS é uma das sedes regionais da Maratona de Programação, colocando a cidade de Feira de Santana no cenário nacional da Computação. Estudantes de Engenharia de Computação, Ciência da Computação, Sistemas de Informação e outros cursos afins de qualquer cidade e instituição podem se inscrever para participar do evento.

As inscrições devem ser feitas através do site da Maratona – maratona.ime.usp.br – até o dia 26 de agosto. A inscrição com desconto está disponível até o dia 25 de julho.

A competição ocorrerá no dia 10 de setembro (sábado), com um momento para aquecimento pela manhã e competição pela tarde. O evento será no Laboratório de Programação (MP53, Módulo 5) do campus da UEFS.

Em caso de dúvidas, os interessados podem entrar em contato com o Prof. João Paulo Just Peixoto pelo e-mail just@uefs.br

Leave a Comment

Filed under Notícias

Quitéria e o Bando de Cleonice

Convite_fsaQuitériaNo decorrer de mais de 300 anos de escravidão no Brasil, os quilombos tiveram a função de meio de evasão contra a privação da liberdade e da violência praticada na senzala pelos senhores de escravos. Aos poucos estas comunidades de negros fugitivos foram se organizando, passando a cultivar a terra e trocando parte da colheita por utensílios e alimentos que supriam suas necessidades. Em toda a região que houve escravidão, houve resistência, luta pela liberdade, fugas e daí a formação dos quilombos. O mais famoso de todos foi o Quilombo dos Palmares, em Alagoas, quando ainda pertencia a capitania de Pernambuco.

Foram desembarcado em terras brasileiras um total aproximado de 4 milhões de negros que teve participação direta na fundação e no desenvolvimento econômico do país, através do seu trabalho escravo. Nossas raízes – origens do povo brasileiro – se assentam nas relações raciais entre os negros, brancos e indígenas, sendo o nordeste a principal porta de entrada dos negros trazidos da África, por volta do século XVI para trabalharem nas plantações de cana de açúcar. Feira de Santana foi fundamental no comércio regional de seres humanos, o que denota que a sua vocação comercial contemplava um leque diversificado de “mercadorias”.

Em 1799 o Príncipe D João Maria de Bragança assumiu ao trono de Portugal como príncipe regente, pois os médicos declararam sua mãe, Rainha D. Maria I, louca e os eventos envolvendo Napoleão Bonaparte na Europa aconteciam com velocidade intensa culminando na possibilidade de uma invasão francesa em Portugal, o que provocou a mudança da Família Real e da Corte Portuguesa para o Brasil.

Segundo alguns autores a presença da Família Real Portuguesa no Brasil a partir de 1808, registrou-se a “inversão metropolitana”, ou seja, o aparelho de Estado Português passou a operar a partir do Brasil, que desse modo, deixou de ser uma colônia e assumiu, efetivamente, as funções de metrópole. A partir desta nova situação vislumbrou-se em um horizonte longínquo a possibilidade de um processo de luta pela independência do Brasil

Na luta pela independência do Brasil o negro, o índio e o vaqueiro sertanejo, tiveram participação importantíssima, principalmente na Bahia, fazendo resistência às tropas portuguesas que estavam sediadas em províncias que se opunham a independência do Brasil de Portugal e teve como grande aliada a feirense Maria Quitéria de Jesus, nascida no sitio Licurizeiro, pequena propriedade nos arredores da Vila de São Jose das Itapororocas, hoje distrito de Maria Quitéria, na comarca de Nossa Senhora do Rosário do Porto de Cachoeira, atual município de Feira de Santana, no estado da Bahia, filha primogênita dos fazendeiros portugueses Gonçalo Alves Almeida e Quitéria Maria de Jesus.

A heroína feirense veio ao mundo no dia 27 de julho de 1792 e foi batizada em 27 de julho de 1798. Ao perder sua mãe por volta dos 10 anos de idade, foi obrigada pelo destino à assumir os cuidados dos seus dois irmãos menores.  Maria Quitéria veio a ser considerada a heroína mais respeitada de toda a Guerra da Independência Brasileira, enaltecendo assim a mulher feirense, a mulher baiana.

Leave a Comment

Filed under Notícias

Prêmio Fama 2015: Lançamento do livro “Quitéria e o Bando de Cleonice”

No dia 26 de novembro de 2015, em Santo Antonio de Jesus, BA, o autor Alberto Peixoto recebeu o Prêmio Fama de melhor escritor. Estiveram presentes nesta noite o Prefeito Humberto Leite, o Deputado Alan Sanches, o Coronel da PM Anselmo Piton, Mãe Mara Aline Riscado e diversos empresários da cidade.

Durante o mesmo evento, foi lançado o mais recente livro de Alberto Peixoto: Quitéria e o Bando de Cleonice.

A saga da heroína feirense Maria Quitéria na Guerra da Independência da Bahia é contada na nova obra do escritor feirense Alberto Peixoto. O livro “Quitéria e o Bando de Cleonice” é resultado de uma ampla pesquisa histórica feita pelo próprio autor durante três anos. A história tem resquícios fictícios que se confundem com a realidade, proporcionando ao leitor uma verdadeira viagem no tempo.

O lançamento do livro em Feira de Santana será no dia 10 de dezembro de 2015, na Cidade da Cultura, às 20:00.

Fotos do Prêmio Fama 2015

« 1 de 2 »

Leave a Comment

Filed under Notícias

Lançamento: Quitéria e o Bando de Cleonice

Quitéria e o Bando de Cleonice

Prêmio Fama: Lançamento do livro Quitéria e o Bando de Cleonice, projeto contemplado pelo programa municipal de incentivo a cultura de Feira de Santana de Pró-Cultura/Esporte, com patrocínio do Hospital EMEC e do laboratório Pró-Diagnóstico de Feira de Santana.

O projeto é uma idealização de ALOMA GALEANO: PRODUÇÃO CULTURAL E EVENTOS. Trata-se do mais recente livro escrito pelo escritor Alberto Peixoto. O livro possui ilustrações do desenhista Daniel Ponciano e propõe rediscutir a história oficial a partir do viés da formação do povo brasileiro. Em Quitéria e o Bando de Cleonice há um misto da ficção com fatos históricos verídicos, contextualizando a vinda dos negros ao Brasil, juntada a uma personalidade feirense tornada mito nacional, a heroína Maria Quitéria, faz da obra uma excelente maneira de conhecer a nossa própria história.

O 1º lançamento será no município de Santo Antônio de Jesus, no dia 26/11; em breve lançamentos em Feira de Santana, na Cidade da Cultira, no dia 10/12, às 20:00.

Conheça agora a página do livro no Facebook e conheça mais sobre a obra. Em breve versão e-book!

Leave a Comment

Filed under Notícias

Escrituração Fiscal Digital será obrigatória a partir de 2011

Com o objetivo de dar continuidade ao processo de modernização do Fisco, a Secretaria da Fazenda do Estado da Bahia (SEFAZ) tornará obrigatória a Escrituração Fiscal Digital (EFD) a partir de janeiro de 2011. De acordo com o Decreto nº 12.444/2010, a medida vale para todos os contribuintes do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) inscritos no cadastro estadual com faturamento bruto estimado para o ano em curso ou obtido no ano anterior superior a R$ 2,4 milhões. Paralelamente, a SEFAZ irá dispensar esses mesmos contribuintes de apresentarem os arquivos do SINTEGRA, provenientes do Convênio ICMS 57/95, a partir de janeiro de 2012.

A Escrituração Fiscal Digital é um arquivo digital que se constitui de um conjunto de escriturações de documentos fiscais e de outras informações de interesse dos fiscos das unidades federadas (UF) e da Secretaria da Receita Federal do Brasil (RFB). A EFD possui registros de apuração de impostos referentes às operações e prestações praticadas pelo contribuinte.

Em seu primeiro módulo, a EFD irá apurar dois impostos, um estadual, o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), e um federal, o Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI). A ferramenta irá substituir diversos livros e controles fiscais, como, por exemplo, o de Registro de Entradas, de Saídas, Registro de Inventário, Registro de Apuração do IPI e do ICMS, além do Controle do Crédito de ICMS do Ativo Permanente (CIAP).

Projeto faz parte do SPED

Juntamente com a Nota Fiscal Eletrônica (NF-e), o Conhecimento de Transporte Eletrônico (CT-e) e a Escrituração Contábil Digital (ECD), a EFD constitui o projeto do Sistema Público de Escrituração Digital (SPED). Alguns dos benefícios do SPED são as formações de uma base de dados única e compartilhadas, com acesso à escrituração digital de contribuintes por órgãos ou entidades legalmente autorizadas, de acordo com suas competências; maior integração entre os fiscos e melhor controle administrativo; uniformização das informações prestadas pelo contribuinte às diversas unidades federadas e a melhoria na qualidade das informações com o conseqüente aperfeiçoamento dos processos de controle fiscal.

De acordo com o superintendente de Administração Tributária da Secretaria da Fazenda do Estado, Cláudio Meirelles, a adoção da EFD traz inúmeras vantagens para as empresas. “Os contribuintes certamente terão redução de custos com a dispensa do papel, as obrigações acessórias serão simplificadas e haverá também diminuição das auditorias presenciais nas empresas, isso sem falar na agilização de procedimentos controlados pela administração pública”, destaca.

Por outro lado, as Secretarias de Fazenda Estaduais também terão aperfeiçoadas as ferramentas de combate à sonegação, com o aumento da percepção de riscos, aumento do recolhimento espontâneo de tributos e conseqüente redução de condutas fraudulentas. “Haverá também um aumento da competitividade entre as empresas em função da diminuição da concorrência desleal”, afirma Cláudio Meirelles.

Como funciona

De modo geral, o contribuinte gera em seu ambiente empresarial um arquivo eletrônico contendo as informações da escrituração fiscal no leiaute estabelecido pelo Ato COTEPE/ICMS nº 9, de 18 de abril de 2008. Após essa etapa, ele importa e valida o conteúdo do arquivo por meio do Programa Validador e Assinador (PVA) e assina digitalmente, de maneira a garantir a integridade dos dados e a autoria do emissor. O arquivo eletrônico é transmitido pela Internet para o ambiente SPED, que é o repositório nacional de todas as EFD.  Sendo a transmissão realizada com sucesso, o ambiente SPED devolve um protocolo de recebimento.

O PVA pode ser utilizado também para visualização dos dados, com possibilidades de pesquisas de registros ou visualização e impressão dos relatórios do sistema. O PVA tem ainda as seguintes funcionalidades: atualização automática de tabelas, digitação, alteração, assinatura digital da EFD, transmissão do arquivo, exclusão de arquivos, geração de cópia de segurança e sua restauração. O contribuinte deve manter cópia de segurança e os documentos fiscais que deram origem a EFD pelo prazo estabelecido pela legislação de cada unidade da federação e RFB, conforme previsto no Ajuste SINIEF nº 02, de 03 de abril de 2009.

As demais empresas não optantes pelo Simples Nacional poderão obter as vantagens de participar da Escrituração Fiscal Digital aderindo voluntariamente, em caráter irrevogável.

Projeto Piloto

O projeto piloto da Escrituração Fiscal Digital foi lançado na Bahia em junho de 2008. Na ocasião, o objetivo foi o de apresentar o projeto às empresas e definir quais as que tinham interesse em participar do projeto piloto. Desde então, diversos eventos foram realizados pela Secretaria da Fazenda do Estado juntamente com importantes parceiros, como a Associação Comercial da Bahia (ACB), a Câmara de Dirigentes Lojistas de Salvador (CDL) e o Conselho Regional de Contabilidade (CRC), para disseminar o assunto no meio empresarial, assim como esclarecer dúvidas e acatar possíveis sugestões das empresas para construção de ações mais integradas e benéficas para todos.

Leave a Comment

Filed under Notícias