Bolsonaro estimula a violência entre seus seguidores/Por Alberto Peixoto*

Um tirano sem lei e sem postura
FOTO: Na Pauta Online

Dino: Bolsonaro é responsável pelas agressões a jornalistas.


Após a divulgação do vídeo da reunião ministerial (?) do dia 22 de abril, autorizada pelo ministro do STF Celso de Mello, manifestações ditatoriais estão ocorrendo em Brasília e em diversas cidades do Brasil. Há suspeita de que estes atos golpistas e violentos, estão sendo estimulados pela cúpula do governo Bolsonaro.

Os ministros do primeiro escalão, durante a reunião, agrediram o STF, governadores, entre outros. Abraham Weintraub, ministro da educação – educação? – por sua vez chamou os ministros do STF de vagabundos e que todos deveriam ser presos; Damares Alves, do ministério da mulher, pediu a prisão de todos os governadores; Salles, do meio ambiente, sugeriu que o governo aproveitasse a atenção da mídia com a pandemia para aprovar reformas de destruição do meio ambiente.

Espelhados na famigerada reunião ministerial em que o presidente admitiu estar armando seus seguidores para uma guerra civil, os admiradores do presidente Bolsonaro resolveram partir para a violência física, porque a verbal, segundo eles, não estava resolvendo.

Os bolsonaristas agrediram com tapas e pontapés repórteres, cinegrafistas e jornalistas do Grupo Globo, Folha de São Paulo, Band e Metrópoles, entre outros profissionais dos diversos veículos de comunicação que tornaram público a decisão de não cobrirem mais as aparições de Bolsonaro no “cercadinho” do Palácio da Alvorada.

Conforme avaliação dos ministros do STF, “após a divulgação do ‘vídeo’ as manifestações imperiosas aumentaram assustadoramente sua violência e são regidas pelo primeiro escalão do governo Bolsonaro”. Segundo o STF, “se as manifestações fossem espontâneas, não teriam reverberação na boca do ministro da Educação, nem no tom da nota do ministro Augusto Heleno, do Gabinete de Segurança Institucional”.

“Vamos fazer um massacre histórico em delegacias e fórum (sic), com nossos conhecimentos em química e acesso a armamento de guerra militar, podemos fazer algo esplêndido”. Mensagem subscrita e enviada por E-mail, para integrantes do Judiciário, pelo grupo extremista denominado “Comando Invisível” – informa portal Metrópoles.

Diante de todo este imbróglio, Jair Bolsonaro segue como um papagaio de bordel repetindo durante todo tempo os mesmos impropérios. Nunca ninguém ouviu uma mensagem positiva deste presidente. Ele é o epicentro das brigas e das confusões. É possível que além de sua psicopatia, também sofra de hemorroida.

“Estimular desrespeitos e não garantir segurança ao trabalho jornalístico diante de um palácio presidencial é uma forma de agredir a liberdade de imprensa. Bolsonaro é o único responsável por mais essa página vergonhosa” – Flávio Dino governador do Maranhão.
Alberto Peixoto, Escritor.

Leave a Comment

Filed under Sem categoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.